25 de Abril e já anda sózinha!!!


Fim de semana de 25 de Abril, dia da independência portanto, eu nao quis deixar passar ao lado esse dia e toca de incentivar a Flor à sua própria independência e nesse dia em vez de andar a passear com ela no carrinho começou a passear a pé, de mao dada é claro porque nesta altura o equilibrio ainda falhava.

Apesar do Sao Pedro andar mal humorado fomos pó laréu com a nossa amississima Ruth (e o que a Florzinha gosta desta "tia" nao tem explicaçao). A sacanita quando sai com a Ruth porta-se sempre maravilhosamente bem... vá-se lá entender estas coisas, e a "tia" leva-lhe sempre umas bugigangas bem coloridas pá moça se distrair no carro. Desta feita trouxe-lhe o colar que vêm na foto e até hoje nao o deslarga, nem em casa nem na rua... tao pikenita e já dá mostras de sair à mae que adora óculos escuros grandes e acessórios de bijutaria (a foto dos óculos foi da outra vez que saímos juntas).

Adiante, aqui a parva da mae (euzinha) e a parva da tia Ruth decidimos ir ao Ikea, pois bem nem uma nem a outra se lembrou que era feriado (isto dos feriados calharem ao sábado baralha-nos o sistema que já nao é muito famoso)... boa, estava fechado!!

Nao quisemos dar a tarde por perdida e fomos nos enfiar no Forúm de Almada pois claro. Fomos à Zara e eu desgracei-me logo com uns itens para a Flor pois claro. Entretanto a tia Ruth deliciada com tanto amor da Flor comprou-lhe uma prendinha também pois claro. Sortuda o raio da moça nao???

Estava eu na Mango a babar-me pelos vestidos que eles lá têm para este Verao (sou doida por vestidos) quando toca o telefone e imagine-se era a Lena a perguntar se eu estva disponível para ir ter com ela a Cacilhas e passarmos a nossa grande amizade virtual (que é muito grande mesmo) a pessoal. Eu claro estava disponibilíssima, assim como a "tia" Ruth que achou imensa piada a esta coisa das maes amigas dos blogues. À Flor nao perguntei se estava disponivel, porque tinha mais era de estar (por enquanto ainda é assim tipo regime Salazarista nestas coisas). Nao antes sem passarmos pela H&M e tirarmos uma foto à Flor com uma flor na cabeça,(quero ver quem tem coragem de chamar rapazinho à míuda nesta foto).

Entao lá fomos as 3 em direcçao a Cacilhas ter com a nossa amiga e o seu principezinho Ricardo e a vovó Gina. Nao foi difícil dar com eles e depois de muitas beijocas (as prometidas) lá nos fomos sentar num cafezito a pôr a conversa em dia.

O Ricky (que tem a carinha desfocada na foto porque nao obtive direitos de imagem sobre essa carinha laroca) decidiu conquistar a Flor pelo estômago e toca dar-lhe do seu iogurte, a minha nao se fez estranha e abria sempre a boca enquanto ele enfiava a colher com os restinhos do seu iogurte. E nao, a minha filha nao estava esfomeada, ela tinha acabado de comer o lanchinho dela, mas sempre que ele lhe dava uma colherada ela...pimba aceitava. Depois foi a vez da bolachinha Maria. Cada um tinha a sua mas o Ricky dava-lhe da dele e ela... pimba dava uma trinca. Enfim aquilo só visto mesmo.

Adorámos aquele bocadinho e a Flor ganhou uma avózinha, a D. Gina que, é um doce como a sua filha e tomava conta da minha como se sua avó fosse. E dois pestinhas a brincarem com bolinhas e bonecos em que a principal motivaçao era atirá-los para o chao, coitada da D. Gina que quase ganhava uma "espandilose", é que ela nem nos dava tempo a mim e à Lena de apanhar as coisas do chao. Ela era sempre a primeira (aquilo já deve ser prática).

Por fim lá fomos nós levar as nossas amigas, e amigo ao barquinho para rumarem a Lisboa. A Florzinha sempre de mao dada mas a andar pelo pézinho dela (lá está a imposiçao à independência em dia de independência) com o seu colar rosa-choque.

Chegadas a casa ainda fomos ao Modelo comprar umas coisitas que faziam falta e a madame a fazer as delicias de todos os que por ela passavam e a viam a "chanfurdar" no meio das compras a ostentar o seu belo colar.

No Domingo fomos sair com a minha mae e tive à viva força de lhe arranjar uma roupa cor de rosa porque sem colar é que a míuda nao podia sair. E lá ganhou mais uma prendita, sendo que tanto o dia da mae como o meu aniversário (ai nem me quero lembrar) estao à porta, acho que existe aqui alguma inconsistência na distribuiçao de prendas.... sao as injustiças da vida.

Outra injustiça sao os miminhos (selinhos) que me têm oferecido e que eu ainda nao os fui reclamar. Fico num lago de baba quando vejo tais ofertas mas o tempo ainda nao me permitiu ir resgatá-los e a todas as minhas queridas amigas (e eu sei quem sao todinhas) que puseram o meu link para oferecerem os selinhos um beijao bem lambuzado (a culpa é da baba) e farei um post somente dedicado a essas ofertas e a vocês. Sei que a Marlene foi a primeirinha a dar-me o do gato e eu vi-o no próprio dia. As minhas mais sinceras desculpas, nao é ingratidao é falta de tempo mesmo...veja-se pelo meu numero de posts. Um beijao muito grande e obrigada de coraçao.

Antes de ir justificar o meu salário, nao posso deixar de revelar que o dia 25 de Abril deu frutos e pasmem-se... ontem a Flor fez a sua primeira caminhada de seis passos sózinha, sem maos , sem cadeira, sem nada....AAAAAAAAAAAAHHHHHHHHHHHH, acabou-se-me o descanso (que já nao era lá essas coisas)... quem me manda a mim pôr a miuda a andar um dia inteiro, só podia dar nisto (alguém me venha dar com um cravo nas ventas por favor).

15 meses de Flor!

Pois é, em dia de NOSTALGIA (já se passaram 15 meses p'onde foram eles????) decidi fazer um post diferente neste mesoversário da Flor e para terem uma noçao do que eu hoje sinto deixo-vos aqui uma ALTA VIAGEM AO PASSADO!!! (VALE A PENA RECORDAR)

Para que entao compartilhem o meu sentimento de nostalgia aqui fica: (espero que resulte)



Lembrar-me eu que antigamente este chocolate se chamava RAIDER.


As pastilhas pretas que comprava e comia às escondidas (porque diziam que tinham PETRÓLEO) quando andava na preparatória



Qual mp3, quais gigas, qual Ipod! As belas mixtape gravadas da rádio, ainda com restos da voz dos parvos dos apresentadores dos programas que insistiam em falar por cima da música!


E este? Quem teve? Era o delírio, com os discos de imagens. Eu tinha muitos!!



Ena pá! Tulicreme! E isto ainda antes de terem inventado o urso! O de cacau era maravilhoso, o de avelã bem podia ficar na prateleira do supermercado.



Petazetas para encher a boca e rezar para um daqueles bocados GRANDES estalasse com muita força (e ficar de boca aberta, pó pai, pá mae e pá avó ouvirem o barulho!)



Alguém sabe o que aconteceu a esta bacana?


."O sabichão"... era esperto o bacano! Tinhamos que lhe torcer a vareto pó gaijo dar as respostas erradas...ahahahaha...o que terá acontecido a este fulano também?


Atiravamos com isto para todo o lado. Até ficarem todos sujo, cheios de pêlos e cotões e pó e cabelos (sim, ficavam, todos nojentos tal e qual as chuchas todas de borracha Chicco das nossas crianças). Mas era fantástico porque depois, só com um bocadinho de água e sabão, ficavam outra vez reluzentes e prontinhos para voltarmos a atirá-los aos móveis, ao tecto, ao chão, á cabeça dos nossos colegas


Esta dava para comprar a tal pastilha preta.

E no verão... o frigorífico cheio de fás, que nós chupávamos até o gelo ficar sem cor.

E as chiclets giras que roubavamos da mala da mae



Este era presença obrigatória nos lanches da primária, na praia e nas excursoes da escola.


Aiiiiii a bela bomboca de morango, que ainda hoje quando a encontramos compramos logo uns caixotes!


"Neste Natal, o meu presente, eu quero que seeejaaa... a minha agenda, a minha agenda lálálálálá"


AAAAAAAHHHHH o que eu DANTES fazia com uma destas....ui, ui absolutamente nada a ver com os actuais 50 centimos. (SAUDADE DAQUELA BEM FORTE!)

Este é um dos meus favoritos.... eu tive vários macacos destes. Tinha um buraco na boca e supostamente chuchava no dedo. Os meus eram muito mais giro. Não tinham este pescoço de indio que mete argolas para o esticar.
Mas de todos todos esta é a minha preferida, é nos tempos de hoje a minha macaquinha (isto à 15 meses atrás porque agora tá uma macacona), também tem um buraquinho na boca mas nao chucha no dedo, mas tem um buraquinho entre as pernas e faz xixi.

PARABÉÉÉÉÉÉÉNNNSSSS FILHAAAAA!!!
Macaquinha ou macacona amo-te daqui até à lua (ir e vir non stop!)

Tá-se bem...


Pois é, ontem lá fui ao martírio mas desta vez a parreca está boa e recomenda-se, por isso deu para fazer a citologia, agora venham os resultados todos ok no dia 22 de Maio e fica tudo perfeito.

Mas há coisas que só comigo mesmo! Estava eu já despida da cintura para baixo como mandam as regras e... chega-me uma mensagem ao telemóvel, que estava completamente fora do meu alcance. O sinal de mensagem é uma música do Eros Ramazzoti e como é mensagem aquilo só termina quando a música acaba. E a enfermeira assim para mim: "agora nao pode atender" e eu "nao tem mal até porque é aviso de mensagem, o problema é que vai dar a música toda", enquanto eu me deitava e entre o "mais para baixo", " chegue-se mais para baixo" a enfermeira vira-se: "pois realmente é verdade, dá a música toda" e o médico e a enfermeira ao mesmo tempo "mas nao se preocupe que agente nao se queixa" risota geral. E pronto, enquanto o médico "mexia e remexia" lá estávamos os três com som ambiente de uma música romântica do Eros. Isto realmente só comigo mesmo!!!

Na consulta tive 1 boa surpresa e meia. A primeira foi um piropo da enfermeira que me soube a mel. Assim que entrei no consultório ela para mim: "ai Sílvia você vem sempre taaao bonita", claro babei-me todinha e as minhas bochechas até ganharam côr...soube-me taaaaao bem (quer dizer que escolhi bem o modelito). A outra meia boa surpresa foi quando me fui pesar completamente vestida e já quase à uma da tarde (fui a última a ser atendida) imagine-se...estou com 49kg. Ora agora vocês perguntam? e isso é só meia boa noticia PORQUÊ????? pois, é que a Pati fez um convite irrecusável e eu que o tinha lido bem cedo antes de ir para o médico já ia pelo caminho a fazer planos de como ia combinar com ela para aceitar o convite.

Aproveitei para tirar algumas úvidas com o médico sobre os procedimentos de me tornar uma dadora e pasmem-se... preciso ter mais de 50kg para o efeito. Fiquei logo triste... mas que raio, 50 kg porquê???? Opá finalmente ia passar do sentimento de pena e solidariedade para a ACÇAO e pimbas, ORA BOLAS. Confesso que estava entusiasmada porque eu tenho sempre muita vontade de ajudar mas a maioria das vezes nao passa disso porque para quase tudo gosto de ter companhia para ir fazer seja o que fôr. Esta era a oportunidade ideal BOLAS, BOLAS, BOLAS.

Em relaçao à reuniao da empresa chegou ainda agorinha mesmo um mail do nosso presidente a informar que vai haver mais reduçao de custos sim, mas vai-se tentar primeiro em algumas outras coisas. Assim, vao vender uma das camionetas da empresa, nao podemos ter luzes ligadas durante o dia a nao ser que seja extritamente necessário, utilizaçao de papel e impressoras só em ultimo caso. Vao haver apenas duas impressoras a funcionar suprimindo-se todas as outras, correios internos só por e-mail e externos idem. Telefonemas só em casos mesmo necessários. Os almoços com clientes e fornecedores vao ser suprimidos e mais umas quantas coisitas desse género que com a colaboraçao de todos vamos ver se conseguimos dar a volta à crise sem cortar pessoal ou vencimentos.

Sim, sao muito boas noticias, mas sinceramente nao sei se as medidas serao suficientes para fazer face ao decréscimo assombroso das vendas. Como sabem a empresa para onde trabalho tem a sede e o maior volume de negócios em Espanha e aquilo com a crise imobiliária está muito pior que aqui, sendo que a maioria dos nossos clientes trabalha para essa industria a crise está a afectar-nos muito porque a maioria das empresas nossas clientes nao está a comprar menos, estao simplesmente a abrir falência... o cenário é negro e nao sei o que para aí vem, mas pelo menos esta noite já durmo um pouco mais descansada e o resto olhem, vamos vivendo um dia de cada vez.

Lá vou eu...



mostrar a parreca outra vez ao Xô Dôtori !!! Ai sortezinha malvada, eu nao gosto nada de ir ao Dr. da parreca, nem ao da parreca e nem ao dos dentes... nao me perguntem porquê mas nao gosto e "prontos".

Portanto hoje é dia de martírio. Às 11h lá vou eu e nao há nada a fazer, espero que desta feita nao hajam vaginites nem nada que impeçam os exames que tenho de fazer para ficar despachada por um bom tempo... e de preferência que os exames venham sem problemas nos resultados.

Bem já tou mesmo a ver as frases da praxe nas minhas consultas: "dispa-se da cintura para baixo", "pois, tem de abrir as pernas senao nao consigo ver nada", "chegue-se mais para baixo", " mais para baixo se faz favor", "tem que ser mais para baixo", "agora descontraía-se", "ó Sílvia tem de se descontrair"...

Já nao há respeito!

Pois o fim de semana em termos de Flor até nem correu mal. A míuda melhorou, nao houve consequências de maior, foi sorte. Alguma tosse e muita pieira que resolvi com um expectorante pediátrico e nada mais. Por via das dúvidas decidi ficar em casa para ela nao apanhar frio, nao fosse o diabo tecê-las.

Domingo foi dia de organizar roupinhas e XIÇA o que para lá ia de roupa para passar "karedo"! Tirando o facto de de vez enquando puxar o fio do ferro e arriscar-se a levar com ele na caróla, a minha gajita portou-se lindamente durante a "maratona ao ferro de engomar" e arrumaçoes.

Mas agora descobri que lá em casa JÁ NAO HÁ RESPEITO! Dantes o "na,na,na,na" resultava muito eficazmente para ela parar de fazer disparates, mas isso mudou, ooooh se mudou. Ela agora continua a fazer as asneiradas como se ninguém estivesse a falar para ela, ignora completamente...eu mereço????

Nao tem as orelhas com cera e surda eu sei que ela nao está, pk quando eu digo "toma" ela estica logo a mao, nao sabe o que é mas estica logo a mao. Portanto é mesmo a ignorar-me.

Deves ter a mania deves? E umas palmadas na mao, nao????

ADENDA: Nao posso deixar aqui de referir que em dia que por aqui se decide o destino de cento e tal funcionários e os seus vencimentos, faz anos a minha (nossa) linda Lipa maezinha da Dalila por quem tenho especial amor (Lena e Maria José nada de cíumes o vosso lugar também é único e estao no meu coraçao para ficar para todo o sempre). Por isso mal me ficaria a mim nao deixar aqui os parabéns a tao querida pessoa (embora já o tenha feito no seu cantinho) PARABÉNS LIPA QUERO QUE SEJAS MUITO FELIZ HOJE E SEEEEMPREEE!

Tinha de ser!!!

Ora BOLAS, mil vezes bolas!!!!
A miuda já andava com uma tossezita (coisa pouca), ontem decidi começar a dar-lhe o xaropito para a dita. Ao paizinho da cachopa foi-lhe dáda a tarefa de dar um olhinho pela gaiata enquanto euzinha lavava a loiça que por lá havia, fazia o jantar e almoço para hoje da pikena.

Resultado: paizinho a dormir no sofá, pikena por lá andava a brincar e a falar sózinha (ouvia-a eu na cozinha), passado um bom bocado com tudo em silêncio fui ver o que se passava. Ora entao: paizinho a dormir e filhota sentadinha na cadeirinha do Ikea a ver televisao de costas para a janela (tal e qual como na foto). Fui pegar nela, estava a moça gelada como um Calipo da "Olá". E eu: "ó Zé a miúda está gelada" e ele: "ah é melhor fechares a janela que tá frio" QUUUUUÊÊÊÊÊÊÊÊÊÊÊÊÊÊÊ????????

Olhei, estavam os estores corridos com as gretas abertas e a janela toooodaaaa escancarada! Ai meu Deus..."TU JOGAS COM O BARALHO TODO?" disse-lhe eu, e ele: "Desculpa era para sair o cheiro"... mas qual cheiro valha-me Nossa Senhora? o homem tá maluko.

Fiz logo um tratamento de prevençao na minha menina: Xarope, um Benuron e descongestionante nasal antes de dormir. Qual quê.... a míuda hoje acordou CHEIA de tosse, ao respirar parece que tem um gato dentro dela, espirra que nem uma louca e a ranhoca sempre a correr. E pronto lá me foi a moça hoje para a ama neste estado. Tou mesmo a adivinhar o nosso fim de semana (o meu e o dela). Minha rica menina... a ele eu devia fazer-lhe o quê????

Eu às vezes fico tonta com tamanhos disparates, é que nao há direito!!!

A CRISE!!!!

Pois hoje tomámos conhecimento que a crise já bateu à porta lá da empresa (sede em Espanha), fóniiiixxx (qualquer coisa como menos 500 mil euros de lucros relativamente a 2008).


Alega-se que já nao há mais por onde cortar despesas. Foram-nos apresentadas duas possiveis soluçoes:

1ª - Reduçao de pessoal (sendo que já houveram 3 dispensas)
2ª - Corte no vencimento em 10% de todos os funcionarios (sem garantias que seja suficiente para um futuro nao-despedimento)

Que tal, hein???

Já ganhei o dia!!!!

Florolês!

Pois a minha boneca já vai dizendo umas coisitas, nao muitas mas já começamos a conseguir comunicar uma com a outra sem ser apenas pela linguagem do amor, que convenhamos é uma linguagem linda mas difícil de entender para xuxu.


Ora vamos lá ao dicionário da miss:

Ába - Água
Pipi ou pépi - Pássaro
Óuá - Olá
Xissi - Sissi (gata da ama)
Óbá - nao sei o que quer dizer mas serve para quase tudo ("óbá" para cá "obá" para lá, sempre num tom sonoro muito elevado)
- Mãe
Iá-tá ou tá-tá - Já tá
Pápa - Comidinha pois tá claro
- Serve para as duas coisas: "dá cá" e "toma lá"
Xi - Sim
Boubou - Bola

Já nos começamos a entender...kabom!

Tudo o que sobe tem de descer!


Já lá vai o tempo!!!! Já lá vai o tempo em que eu metia a Flor no Puff e a miuda se ficava, agora a moça tá IM-PA-RÁ-VEL!!

Actualmete lá em casa existem 3 tronos para a madame: o Puff (da foto), a cadeira do Ikea e a espreguiçadeira, mas qual quê... servem para tudo menos para sentar o cú.

Agora a miúda tá numa de "cavalona", sobe tudo, até para cima dos móveis (como sao baixinhos). Aproveita a cadeira do Ikea e a espreguiçadeira para alcaçar o que de pé nao consegue, a minha gajita tá um perigo, literalmente. E ainda ela nao anda, quando começar a andar eu nem quero pensar. Tenho de afastá-la do Nelson (marido da Maria José) porque da última vez quase que a miúda me sai a caminhar sózinha de Coimbra (sai pra lá bicho mau).

Adiante, lá andava a Flor de pé em cima da esperguiçadeira (cavalona do caraças). Eu tirava-a ela voltava a subir, eu tirava-a e ela voltava a subir, até que numa das vezes a miss teimosa enrrolou os pés em cima da dita espreguiçadeira e caiu estatelada de boca no chao.

Resultado: muita lágrima, muito sangue no lábio, muito choro. Enfim, tenho cá para mim que por este andar estas dentuças lindas e afiadas dela (o meu nariz que o diga...uuuiiii) nao vao durar muito tempo, mas é só um feeling.
Ela quer é subir, seja para cima do que fôr ela quer é subir, mas já diz o ditado "tudo o que sobe tem de descer" de melhor ou pior maneira desce, já verificámos que sim.

Nota negativa!

Pois no outro dia estava a Lipinha a contar A primeira mancha no currículo académico infantil da Dalila e heis que a minha gajita decidiu seguir-lhe o exemplo, mas EM MIM (tá mal).

Pois como de costume eu digo assim: "dá beijinho à mama" enquanto chego a minha cara para junto da dela (para facilitar à madame). Normalmente recebo uma boca aberta cheia de cuspe encostada à minha cara (sao os beijinhos dela que ainda estao a ser aprefeiçoados). Desta vez veio a boca aberta com cuspe, mas a maluka apanhou-me o nariz e nao vai de modos dá-me uma valente trinca...uuuuuuuiiii que aquelas dentuças já impoem muito respeito. Até fiquei azulinha!

Nota negativa em comportamento para a menina Flor portanto!

Como???

Espero que tenham tido uma bela Páscoa...mas eu já passo nos vossos cantinhos a espiolhar. Imagino a chicolatada que terá sido... bem, bem...eu já vou espiolhar.


Mas agora uma perguntinha:

Como é que se faz naqueles dias que só nos apetece enterrar a cabeça literalmente debaixo do edredon tipo: "tou chateada, nao quero ver ninguém, nao quero ouvir ninguém, favor nao incomodar" com uma bebé de 14 meses (a caminhar a passos largos para os 15) que nao quer estar com a cabeça enfiada debaixo do edredon?????

Telegrama!

"Se conseguir despachar o serviço hoje nao precisa vir amanha trabalhar" disse hoje a chefia.

Assim vou aqui deixar as novidades depressinha, depressinha tipo telegrama:

  • - Hoje foi dia de médico para a Flor e para a mae (stop)
  • - Flor tá melhor mas ainda nao tá boa (stop)
  • - Mae mostrou a parreca ao médico mas nao pôde fazer citologia porque tem uma vaginite (stop)
  • - Daqui a 2 semanas mae tem de voltar a mostrar a parreca (stop)
  • - Flor ontem já nao quis cadeirinha (stop)
  • - Era bom demais (stop)
  • - Flor continua a parecer um rapaz (stop)
  • - Mae está muito triste mas agradece as mensagens de apoio deixadas por vós (stop)
  • - Mae arranjou soluçao temporária para corte de cabelo (stop)
  • - Olhem: (stop)


















  • Tcharaaaammmm: (stop)


















  • - Tenho de ir (stop)
  • - Nao quero vir trabalhar amanha (stop)
  • - Tenho passado nos vossos cantinhos (stop)
  • - Ainda nao deu para deixar miminhos em todos (stop)
  • - Lá chegarei (stop)
  • - Muitos beijos (stop final)

Sessao fotográfica, laréu, corte de cabelo e compras.

Pois aqui as minhas mais sinceras desculpas por tao folgada ausência, mas foi missao impossível vir à net nestes últimos dias.


Vamos entao por partes:Desde sexta feira que a minha pikena está com uma diarreia brutal. Amanha temos consulta e ando a ver se aguenta até lá, mas já lhe estou a dar o UL250 e a coisa continua desrregulada(issima), hoje de manha a dita diarreia já vinha verde. Nao sei, nao sei.

No sábado rumámos ao Norte, fomos a Torres Vedras a uma sessao fotográfica com a Flor mas a coitada nao tava nos dias dela e nao foi nada fácil, vamos lá ver daqui a uns tempos como saíram as fotos. Tanto que eu esperei pela dita sessao fotográfica e logo tinha a gaiáta de me ficar doente, ora bolas!

À tarde foi o momento mais esperado, o encontro com a minha querida do coraçao Maria José e o seu Nelson (o carrasco) e a Sofiazinha. Já nao há ida ao Norte sem que vá visitar a MJ, é passagem obrigatória e quem me dera lá ir todos os fins de semana.

Eu cheguei uma hora atrasada (para nao variar), mas tive uma boa razao...aliás 3 boas razoes nao foi Maria José? por isso fiquei perdoada...mesmo assim ainda deu para nos divertirmos muito durante duas horinhas. A Maria José pagou o prémio que eu ganhei referente ao jogo das 3 mentiras. Sim, sim, eu ganhei embora ela tenha vindo dizer que eu nao tinha acertado nas 3 mentiras... ora nao só acertei nas 3 mentiras como a batoteira tinha lá posto 4. É mesmo mentirosa o raio da moça, mas eu topei tudo e ela nao se esquivou de me pagar um belo gelado.

Depois do geladinho os sorrisos eram mais que muitos:
Enquanto as madames comiam os gelados todas chiques à esplanada o carrasco do Nelson ia dividindo o seu tempo aqui com as madames e as mini-madames (entenda-se por Flor e Sofia) e quase que o rapaz punha a Flor a andar sózinha (tá quase, quase amigo).

Ó pró Nelson a tomar conta das duas sózinho:

Divertimos-nos muito, e mais nos teríamos divertido se eu tivesse chegado a horas, mas viajar com 3 crianças (1ano, 3anos e 7anos) nao é fácil, principalmente quando uma tá de diarreia e os outros nao páram 1 segundo. Pois desta vez os irmaos da Flor passaram o fim de semana com o pai e também foram e ..uuuffff nao foi um fim de semana fácil (nadica de nada).

A Coimbra só foram a Flor e o Guilherme (o de 3 anos) o outro ficou em Pedrogao a brincar com os primos, a malta agradeceu.

E agora vocês perguntam: Entao o Nelson tao girinho que até tomou conta das pimpolhas, quase pôs a Flor a andar sózinha e até tirou fotos às madames, é carrasco PORQUÊ???

Olhem...em primeiro lugar jogou o gelado que a Sofia estava a comer e a saber-lhe pela vida ao chao, depois desculpou-se que foi sem querer que o gelado tava a entornar e ele só ia endireitar...enfim, eu tava lá e vi tudo. Vi que a Sofia nao entendeu para onde tinha ido o geladito dela, se vissem a carinha dela de boca aberta a olhar para todos os lados...também diriam que ele é um carrasco.
Em segundo lugar eu estava a tirar uma foto à MJ mais à Sofia e ele toca de meter as mandibulas (entenda-se por maos) à frente e tenho provas do que estou a dizer.
Depois estavam as madames a fazer poses para tirar fotos ele ria-se e nao tirava nada...já nos doía a cara de tanto sorrir e fotos nada. Enfim, foram só alguns exemplos do porquê da alcunha de carrasco que ele ganhou nesse dia, mas houve mais, nao dá é para contar tudo.

Olhem páqui as mandibulas do Nelsinho (é que quer aparecer em tudo o que é foto!!!)


Resumindo foi fantástico, a Florzinha embora doentinha portou-se lindamente e mal posso esperar para ir lá outra vez (desta vez a tempo e horas) ter com os meus amiguinhos.


Ontem tirei o dia de férias para ficar com a Flor. Como o pai da Flor também estava de férias depois de irmos resolver uns assuntos, levámos a pekenita a cortar o cabelo. Desisti!!!! Desisti daquela franja que dava para lhe pôr uns ganchinhos e elásticos porque a gajita arranca tudo, e eu tou farta de a ver com o cabelo nos olhos. Tenho medo que a miúda ganhe algum tique e vai de lhe cortar a gadelha, mas acho que exagerei.... pois é, ela agora parece um rapazinho, nao gosto nada de a ver assim, mas eu explico.


O cabelo dos bebés cresce muito depressa e eu pensei que o corte tinha de durar pelo menos 1 mês ou 2 para nao andar sempre a pagar cortes (é a crise!!!), entao a Mena (a cabeleireira) perguntava-me: "tá bom?" e eu: "Corta mais um bocadinho" e assim sucessivamente.... lá está exagerei. O pior é que no fim eu perguntei-lhe "quanto é Mena?" e ela "nao é nada, aos bebés nao se leva nada".....OOOOOOHHHHHH já me podiam ter avisado.


Convenhamos que esta franja, sem gancho ou elástico, também nao era nada. Ela nao parecia uma Flor, parecia um arbusto:
Isso Mena, corta-lhe mais um cadinho (é que sou mesmo uma BESTA)Tens de olhar para a frente princesa, para cortar ainda mais um bocadinho (alguém me venha dar uns bofetoes por favor)Resultado: saí de casa com uma boneca e trouxe um boneco. Só para vocês terem a noçao, eu fui ao supermercado e vira-se logo uma moça... "ai que lindo, é menino ou é menina?" tendo em conta que a miuda estava com uma camisa rosa da Hello Kitty, tao a ver né?.. eu realmente sou uma BESTA.

Bem, mas outra novidade é que fomos ao IKEA, e a cadeirinha que a Flor tanto queria já cá canta. O resultado nao podia ter sido mais satisfatório, tal como previsto a gajita sentou-se na sua poltrona e de lá nao saíu durante, imaginem, 2 horas. Deu para eu arrumar a sala toda, a cozinha fazer o jantar e ainda passar na net e ver os comentários que me tinha deixado no blogue, ai o da Carocha Patricia soube-me taaaaooooo bem, obrigada linda!!!!

A Florzinha só queria a sua cadeira e a sua maça, eu nem dava por ela. Oh bendita cadeirinha!!!

Aqui está a minha Flor de gadelha cortada na sua poltrona, tenho agora um rapazito em casa portanto!
"Ó mae pára agora tu de me incomodar e vai para a cozinha fazer o que tens para fazer!!!"Lá está o meu rapazinho a ver o Preço Certo! (ai que eu sou mesmo uma BESTA QUADRADA)
Eu sei, eu sei nao é a coisa mais inteligente dar-lhe maça quando ela tá de diarreia, mas eu já nao vos disse que sou uma BESTA.

Os verdadeiros TREINOS para ser mae!

Fui visitar o blog da kiducha Marlene e deparei-me com este texto e ESCANGALHEI-ME a rir (ainda ando aqui a tentar recolocar partes do meu corpo no sitio certo).

Prontas? vamos lá...

"1. Vestir crianças não é tão fácil como parece. Primeiro compre um polvo vivo e um saco de rede. Tente enfiar o polvo no saco sem deixar nenhum braço de fora.

2. Esqueça os carros desportivos e compre um Volvo. E não pense que o pode deixar à porta, impecável e a brilhar. Os carros de família não são assim. Compre um gelado e guarde-o no compartimento das luvas. Enfie uma moeda no leitor de cassetes, desfaça um pacote de bolachas e atire-as para os bancos traseiros.

3. Preparar-se para sair. Espere à porta do quarto de banho durante meia hora. Saia para a rua. Volte a entrar. Saia. Entre de novo. Volte a sair e ande um bocado em frente de casa. Entre. Saia. Caminhe devagar ao longo da estrada durante cinco minutos. Detenha-se para examinar minuciosamente todas as beatas, pastilhas elásticas, lenços sujos e insectos mortos que encontre pelo caminho. Está pronto a levar uma criança a passear.

4. Para antever como serão as noites, ande as voltas pela sala entre as 5 da tarde e as 10 da noite, com um saco molhado com cerca de 6 Kg de peso. Às 10 pouse o saco, meta o despertador para a meia-noite e vá-se deitar. Levante-se a meia-noite e ande às voltas na sala de estar com o saco ao colo até à uma da manhã. Ponha o despertador para as 3. Como não consegue voltar a adormecer levante-se às 2 e tome uma bebida. Volte para a cama às 2:45. Levante-se quando o despertador tocar às 3. Ponha o despertador para as 5. Levante-se. Prepare o pequeno-almoço. Repita durante 5 anos sempre de cara alegre.

5. Antes de se decidir por fim a ter filhos, descubra um casal que já os tenha e censure-lhes os métodos de disciplina, a falta de paciência e o facto de os deixarem fazer tudo. Sugira maneiras de melhorar os hábitos de sono e de ir ao bacio, de apurar as maneiras à mesa e o comportamento em geral. Desfrute da sua última oportunidade de acertar nas respostas para os problemas.

6. Tire o miolo a um melão e faça-lhe um orifício lateral mais ou menos do tamanho de uma bola de golfe. Suspenda do tecto com um fio e faça-o balançar. Pegue numa tigela de papa e tente encher o melão através do orifício. Continua até só ter metade da papa. Derrame o resto no regaço. Está apto(a) a alimentar um bebé de 12 meses.

7. Vá ao supermercado e leve consigo o que mais se parece com uma criança em idade pré-escolar. O ideal é uma cabra adulta. Se está a pensar ter mais de um filho, leve mais que uma cabra. Faça as compras sem perder as cabras de vista e pague tudo o que destruírem.

8. Aprenda o nome das personagens de todos os desenhos animados. Quando der por si a cantar o "Sou o Ruca"", no banho, está apto(a) a receber o diploma de pai/mãe.

9. Repita sempre o que disse pelo menos 5 vezes.

Ai, ai...que até me doí a barriga de rir.

(A pensar em ti Drikinhas!!! BJ)